Convite à apresentação de Manifestação de Interesse

(Serviço de Consultoria)

Programa de Desenvolvimento de Centrais Mini-Hidricas
Gestor  de Projecto

Sector: Energia
Referência do acordo de financiamento: ML-0024
Nr. Identificação do projecto: G-ST-FZO-PRE-001

O Governo de São Tomé e Príncipe recebeu uma subvenção de 1 milhão de dólares americanos, do Fundo para a Energia Sustentável para África (SEFA), gerido pelo Banco Africano de Desenvolvimento, para financiar as actividades do programa de desenvolvimento de centrais mini-hídricas no país e e tenciona aplicar parte do montante acordado para esta subvenção aos pagamentos ao abrigo do contrato do Gestor de Projecto.

O objetivo deste serviço é apoiar a coordenação e implementação deste programa, bem como aconselhar e assistir o MOPIRNA no processo do concurso. O consultor individual será integrado na Direção Geral dos Recursos Naturais e Energia.

O Ministério das Obras Públicas, Infraestruturas, Recursos Naturais e Ambiente (MOPIRNA), através da Direção Geral dos Recursos Naturais e Energia (DGRNE), convida consultores(as) individuais a apresentar manifestação de interesse. Os consultores individuais interessados devem fornecer informações indicando que estão qualificados para prestar os serviços, nomeadamente as suas qualificações e experiência, a sua capacidade para desempenhar esta tarefa (CV, em inglês/francês e português, referência a serviços e tarefas semelhantes, experiência em condições semelhantes, disponibilidade, contactos de referências profissionais, etc.).

As candidaturas serão avaliadas com base nos seguintes critérios:

  1. Qualificações gerais como engenheiro mecánico, civil, eletrotécnico ou similar (30%);
  2. Mínimo de 8 anos de experiência profissional no sector da energia, em particular no desenvolvimento de projetos hídricos (40%);
  3. experiência relevante em gestão de projeto e concursos/aquisições e standards ambientais (20%);
  4. Domínio da Língua Portuguesa e linguas de trabalho do Banco (Inglês e/ou francês) (10%).

Os critérios de elegibilidade, a criação da lista restrita e o processo de seleção deve ser feito de acordo com o quadro da política de acquisiçõe do Banco Afircano de Desenvolvimento (Outubro de 2015) e as disposições do Acordo de Financiamento"., Edição de Maio de 2008 e Revista em Julho de 2012, do Banco Africano de
Desenvolvimento que está disponível no site do Banco em http://www.afdb.org. A manifestação de interesse  por parte do consultor não implica qualquer obrigação do MOPIRNA em inclui-lo na lista restrita.

Consultores(as) individuais interessados(as) poderão obter os Termos de Referência, na morada indicada abaixo, entre as 9h00 e as 15h00, horário de São Tomé e Príncipe (UTC +1), ou por e-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

As manifestações de interesse devem ser recebidas na morada indicada abaixo, ou por e-mail, até dia 05 de Junho de 2019, indicando explicitamente: “Manifestação de Interesse: Gestor de Projeto Mini-hídricas”

ATT: DIRECÇÃO GERAL DOS RECURSOS NATURAIS E ENERGIA (DGRNE)
Director Geral - José Bastos do Sacramento
Av. Marginal 12 Julho, Código postal 130, São Tomé, São Tomé e Príncipe
E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

Anexos:

    Manifestação de InteresseEOI_–_Sao_Tome_e_Principe_-_Sao_tome_mini-hydro_programme_-_DGRNE Pub

    Termo de ReferênciaSTP-SEFA TDR Individual Consultant Project Manager_ SNFI SEFA

São Tomé (MPFEA)-O Ministério de Planeamento, Finanças e Economia Azul, MPFEA, levou a cabo um atelier de avaliação de desempenho da Gestão das Finanças Públicas em São Tomé e Príncipe, referente aos anos, 2013 á 2016 intitulado, “ Resultados, Indicadores e Metodologias PEFA”, liderado pela AECOM âmbito do apoio da União Europeia à melhoria do sistema das finanças públicas e responsabilidades financeiras do país.

A cerimónia de abertura, teve lugar esta segunda-feira na Sala de Conferência do Hotel Praia, na presença de diversos quadros, e representantes das instituições públicas do país, como do Banco Mundial, PNUD, Tribunal de Contas, representantes da Sociedade Civil, e foi presidido pelo Ministro de Planeamento, Finanças e Economia Azul, Osvaldo Vaz, e seguido do Representante da União Europeia, Doutor Albert.

O Ministro de Planeamento, Finanças e Economia Azul, Osvaldo Vaz, considerou de extrema importância para o país a realização do evento, avançando que o mesmo “visa sensibilizar as autoridades são-tomenses envolvidas, sobre a importância da avaliação do desempenho das Finanças Públicas em São Tomé e Príncipe, durante os últimos três anos, designadamente, o exercício orçamentais de 2016, á Abril de 2019, de acordo com a metodologia das despesas públicas, e responsabilidades financeira, PEFA, no quadro geral do macroeconómico do país, ao fim de constituir o instrumento de seguimento do impacto das reformas da gestão das finanças públicas em curso”.

Segundo Osvaldo Vaz, o presente exercício de avaliação, liderado pelo Ministério de Planeamento, Finanças e Economia Azul, e financiado pela União Europeia, “será cesurado por uma equipa de consultores de consócio, AECOM perito em finanças presentes no ateliê, com objectivo específico, de avaliar a performance do sistema da gestão das finanças públicas de São Tomé e Príncipe, que foi feita por uma avaliação PEFA em 2013, para o exercício orçamentais de 2011, e 2012, o qual nesta avaliação foi identificado problemas estruturais dos períodos avaliados”.

MPFEA

São Tomé (MPFEA) – O ministro do Planeamento, Finanças e Economia (MPFEA) Azul, Osvaldo Tavares Vaz, considerou de positivo o exercício realizado nas últimas duas semanas, com visitas as câmaras distritais.

A constatação foi feita esta sexta-feira (26) no final do ciclo de visitas as câmaras distritais, em São Tomé, iniciada na semana finda, quinta-feira (18) no extremo sul (Caué e Cantagalo) e terminada hoje, com deslocação ao centro do país (Mé-Zóchi e Água-Grande), com passagem, na quarta-feira (24) por autarquias de Lembá e Lobata.

“Aqui em São Tomé as visitas correram tudo bem, auscultamos as câmaras, demos as nossas opiniões e ouvimos as opiniões das autarquias, e em conjunto concluímos que iremos fazer um bom trabalho para o desenvolvimento de São Tomé e Príncipe”, referiu o ministro.

Osvaldo Vaz aproveitou para relembrar aos poderes locais que os recursos são escassos, e que será preciso o uso racional dos mesmos para que todos possam beneficiar destes recursos.

“Os recursos são escassos e as necessidades são ilimitadas, mas com esses recursos escassos, tudo faremos para racionalizar o seu bom uso, como forma de todos os sectores beneficiarem deste pouco”.

Quanto a visita à Região Autónoma do Príncipe, o titular da pasta das finanças reforçou que a mesma será realizada brevemente, mas nesta altura é o momento de estarmos unidos e solidários com o povo do Príncipe, porque o que aconteceu afecta-nos a todos, solidarizou Osvaldo, deixando a mensagem de força e coragem ao presidente do Governo Regional e todo habitante da ilha.

MPFEA

São Tomé (MPFEA) - Com o objectivo de inteirar-se sobre o funcionamento do poder local, o ministro do Planeamento, Finanças e Economia (MPFEA) Azul, Osvaldo Tavares Vaz, iniciou esta quinta-feira, o ciclo de visitas às câmaras distritais, com deslocação às autarquias do sul do país, Caué e Cantagalo.

No âmbito das suas competências, que passa por assegurar a relação institucional do Governo com as Câmaras Distritais, o ministro do Planeamento, Finanças e Economia Azul, Osvaldo Tavares Vaz, promoveu na manhã desta quinta- feira uma visita às autarquias de Caué e de Cantagalo, encontrando com os respectivos presidentes, Firmino Raposo e Aleixo Pires.

Osvaldo Vaz que fez-se acompanhar do director da Descentralização,Elísio Camblé, aproveitou o encontro para felicitar os líderes locais pelo trabalho que têm desenvolvido, embora sem o orçamento, fazendo entender mais uma vez que o país tem dificuldades infindas, mas que mesmo assim, têm que trabalhar em prol do povo.

“Fizemos entender as câmaras que o país tem dificuldades imensas. As necessidades são ilimitadas os recursos são escassos, mas neste conjunto, tudo faremos para que mesmo com estes poucos, possamos distribuir para todos”, ressaltou o ministro.

Osvaldo Vaz aproveitou ainda para aconselhar os líderes para que haja uma disciplina nas despesas.

“Aproveitamos para aconselhar as câmaras para que haja uma disciplina nas despesas, bem como, dentro das suas possibilidades arrecadar receitas que não choquem com a arrecadação que é feita ao nível nacional, em sintonia com Direcção dos Impostos”.

Osvaldo finalizou, mostrando a total disponibilidade do ministério que tutela, em ser um interlocutor junto aos outros ministérios sobre as necessidades das câmaras.

O ciclo das visitas continua na próxima semana, com deslocação ao norte e o centro do país e a Região Autónoma do Príncipe.

MPFEA

São Tomé (MPFEA) -O Ministro do Planeamento, Finanças e Economia Azul, Osvaldo Vaz, rubricou no início da semana, em Washington, EUA, um acordo de financiamento com o Banco Mundial, BM, para a primeira fase de reabilitação da estrada nº1, troço que liga extremo norte ao centro do país.

O acordo que será em forma de donativo, está fixado em 29 milhões de dólares norte-Americanos.

Recorde-se que a reabilitação desta estrada é uma das grandes prioridades do XVII Governo Constitucional, liderado por Drº Jorge Bom Jesus.

MPFEA

São Tomé (MPFEA) - O Governo empossou hoje a Comissão encarregue de preparar e executar a realização do 14º Encontro Empresarial para a Cooperação Económica entre China e os Países de Língua Portuguesa, a decorrer entre oito e nove de Julho, capital santomense.  

Em função do compromisso assumido durante a última reunião dos Organismos de Promoção Comercial/Câmaras de Comercio, em 20 de Junho do ano findo em Lisboa, de organizar o próximo Encontro de Empresários da China e dos Países de Língua Portuguesa-CPLP, foi empossada, na manhã de hoje, pelo Ministro da Defesa e Ordem Interna, Óscar de Sousa, em representação do Primeiro-ministro, a Comissão Operacional responsável para preparar o evento, dar apoio técnico, tratar de logística, da organização protocolar, da segurança e dos aspectos financeiros, cabendo-lhes ainda definir as linhas orientadoras da estrutura organizativa.

O evento que terá lugar entre oito e nove de Julho próximo é visto pelas autoridades nacionais, como uma oportunidade para a promoção e reforço das relações económicas, parcerias, negócios, investimentos, debate de estratégias de cooperação e dinamização do relacionamento dos organismos de promoção do comércio e investimento dos respectivos países.

O ministro do Planeamento, Finanças e Economia Azul, Osvaldo Vaz, que vai presidir a supracitada comissão, que será coordenada por Agência de Promoção do Comércio e Investimento,APCI, considerou de extrema importância a realização deste encontro no arquipélago para o crescimento económico, que deve ser liderado por sector privado. 

Pretendemos receber entre 200 e 300 empresários de vários sectores, para conhecerem a nossa realidade e poderem investir em São Tomé e Príncipe, por isso esta comissão terá uma forte representação do sector privado, no sentido de nós neste processo conseguimos uma atenção especial para o nosso país, para o desenvolvimento económico”, acrescentou o ministro.

Farão parte da referida comissão, que cessará as funções com o término do evento, o Ministro do Planeamento, Finanças e Economia Azul, Osvaldo Vaz, e a Ministra do Turismo, Cultura, Comércio e Industria, Maria da Graça Lavres, como presidente e vice-presidente, respectivamente; Director da APCI, como coordenador; Director Geral do Turismo e Hotelaria; Director do Orçamento; Comando Geral da Policia Nacional; Director do Protocolo; Representante dos Serviços de Migração e Fronteiras; Câmara de Comercio, Industria, Agricultura e Serviços; Associação das Mulheres Empresarias; Associação dos Jovens Empresarias; e Sector Privado.

 MPFEA

Economia Azul pode representar uma oportunidade para o desenvolvimento de STP”-Osvaldo Vaz

São Tomé (MPFEA) - O Ministro do Planeamento, Finanças e Economia Azul, Osvaldo Vaz, salientou na abertura do Workshop Regional de Apoio ao Desenvolvimento da Estratégia de Transição para a Economia Azul, que a Economia Azul poderá representar uma oportunidade viável para o desenvolvimento do arquipélago.

“Acreditamos que a transição do país para a Economia Azul represente, de facto, uma oportunidade viável e fiável, que estava escondida e aos nossos pés, para o desenvolvimento de São Tomé e Príncipe”.

“Já algum tempo a esta parte, que os diferentes actores políticos do país, juntamente com os operadores económicos, olhavam para a Economia Azul como uma realidade e possibilidade económica que pode, de facto, potencializar o desenvolvimento de São Tomé e Príncipe, aproveitando os vastos recursos existentes, quer em termos marinhos, como marítimos, associados à dimensão e à localização geográfica de São Tomé e Príncipe. Esta decorrência, tem em conta aos bons resultados já demonstrados e conseguidos por outros países, não apenas insulares”- acrescentou Osvaldo Vaz.

O evento que teve lugar nos dias 12 (Santo António) e 15 (São Tomé), com o propósito de recolher o subsídio para o Desenvolvimento da Estratégico de Transição para a Economia Azul, foi organizado pela Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) e Governo.

MPFE

São Tomé (MPFEA) – O Ministro do Planeamento, Finanças e Economia Azul, Osvaldo dos Santos Vaz, reagiu esta segunda-feira, em nota informativa, a tentativa de burla por parte de pessoas de má índole, criando um perfil falso na rede social (facebook) em seu nome, usando, inclusive para o efeito, a sua fotografia.

MPFEA

São Tomé (MPFEA) – O Ministro do Planeamento, Finanças e Economia Azul, Osvaldo dos Santos Vaz, assinou na última sexta-feira o acordo com o Banco Africano de Desenvolvimento, BAD, no valor de USD 2.000.000,00 [Dois Milhões de Dólares] (donativo) para estudo do Porto Acostável em Ana Chaves.

A infra-estrutura será financiada pelo BAD.

MPFEA

Pág. 1 de 5

Calendário

« May 2019 »
Mon Tue Wed Thu Fri Sat Sun
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31    

NOSSA LOCALIZAÇÃO

Ministério do Planeamento, Finanças e Economia Azul, Largo das Alfândegas
Água Grande, São Tomé
Caixa Postal nº 168
São Tomé e Príncipe

Nossa Localização

 

FALE CONNOSCO

Par qualquer informação ou solicitação dos nossos serviços.

Fale connosco aqui

Liga-nos +239 2221083 / 2224172 

Email: mfcea@financas.gov.st