Governo cria o Guiché Único para Comércio Externo.

CGEO Governo, na pessoa do ministro do Plano e Finanças, Hélio Silva, e na presença de outros membros do executivo e perante os representantes das organizações internacionais, parceiras do projecto, como o Banco Mundial e a Sociedade Financeira Internacional – IFC, o PNUD e várias outras representações diplomáticas e financeiras, empresários, quadros e técnicos da Administração Central do Estado, convidados, entre outros, procedeu à apresentação e lançamento do projecto Guiché Único para o Comércio Externo. O evento teve lugar no dia 10 de Setembro do corrente ano no Hotel Praia Mar. 

Esse projecto de Guiché Único tem o objectivo de reduzir os custos inerentes aos múltiplos expedientes relacionados com a importação e exportação de mercadorias, bens e serviços, reduzindo também e simplificando os devidos procedimentos burocráticos. Com o funcionamento do Guiché todos esses expedientes passam a ser tratados num único sítio, à base do sistema informático SIDÓNIA que actua a partir duma base de dados. O Guiché Único envolve por outro lado uma parceria com as instituições do Estado que operam no ramo comercial e/ou que têm responsabilidades no assunto, como a Direcção de Pecuária, o CIAT, a Direcção de Saúde Pública, a Direcção dos Transportes, principalmente.
Na sua intervenção, o ministro do Plano e Finanças, Hélio da Silva Almeida, afirmou, passamos a citar; “o GUCE é uma importante ferramenta que servirá para se experimentar uma nova era no que concerne à dinâmica do sector privado através do comércio externo. Tem havido muitos transtornos, alguns naturais associados à própria insularidade das nossas ilhas, o que reduz a nossa margem de manobra relativamente à competitividade da economia. Daí que quanto mais rápido conseguirmos convergir a nossa economia para os standarts internacionais, neste caso, através do GUCE, estaremos em melhores condições de atrair investimentos directos estrangeiros. Esperamos poder reduzir drasticamente todas as burocracias inerentes aos processos de importação/exportação, e deste modo, dar uma maior resposta àquilo que são os anseios do sector privado.”
O GUCE está dividido em duas fases, sendo que nesta primeira, com a duração de 18 meses, conta com a assessoria técnica dos peritos do IFC, instituição do Banco Mundial, finda a qual será da competência do Estado assumir a implementação plena do projecto.

Last modified on quinta, 12 dezembro 2013 18:21

Anuncios

Calendário

« May 2024 »
Mon Tue Wed Thu Fri Sat Sun
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31    

NOSSA LOCALIZAÇÃO

Ministério do Planeamento, Finanças e Economia Azul, Largo das Alfândegas
Água Grande, São Tomé
Caixa Postal nº 168
São Tomé e Príncipe

Nossa Localização

 

FALE CONNOSCO

Par qualquer informação ou solicitação dos nossos serviços.

Fale connosco aqui

Liga-nos +239 2221083 / 2224172 

Email: mfcea@financas.gov.st